Vocação é amor


Ser testemunha de um Deus vivo que liberta seu povo da opressão que perdoa todos os pecados. Esta é missão do cristão, do batizado. Devemos usar todas as nossas habilidades em prol do semelhante, de uma sociedade mais justa e fraterna.

Seguindo os ensinamentos dos Evangelhos, meus pais Josafá Carvalho Soares e Maria Carvalho Soares educaram os filhos a viver a caridade e fraternidade seguindo fielmente o serviço de amor e a vocação de Cristo.

Vivendo num lar verdadeiramente cristão, germinou a minha vocação sacerdotal e da minha irmã Elisabete Ávila que abraçou a vida de religiosa consagrada.

Aos 13 anos de idade o chamado de Cristo inundou o meu ser e assim entrei no seminário onde comecei os estudos para a vida sacerdotal. Durante esse período morei em diversos estados do país e em Roma, onde tive experiência na vida de religioso consagrado e sacerdotal.

Apesar das grandes dificuldades financeiras e de acesso aos estudos naquela época, vindo de uma família humilde oriunda do interior do estado, não abateu em mim jamais o desejo em desistir da minha vocação.

Tenho a certeza que seguir de fato o meu desejo de servir ao meu Mestre Jesus e onde hoje não me imagino em ser outra coisa a não ser sacerdote.

Jesus chamou para Apóstolos “aqueles que ele quis”, depois de passar a noite em oração. A igreja viu nisso o chamado ao sacerdócio. É Jesus quem chama o jovem à vida sacerdotal, que não é fácil, que exige muitas renúncias, para ser todo de Deus, a serviço do Reino de Deus, para a Edificação da Igreja e a salvação das almas.

Padre Pe. Fernando Ávila é pároco da paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus, Robalo

#PeFernandoÁvila #MêsdasVocações

Arquidiocese 

aracaju

de

Cúria Metropolitana da Arquidiocese de Aracaju

Praça Olímpio Campos, 228, Centro, Aracaju/SE - CEP: 49010-040

E-mail: comunicacao@arquidiocesedearacaju.org / Telefone: (79) 3216-3000