Cultura, 62 anos de presença evangelizadora



A Rede Cultura de Comunicação tem muito a celebrar, neste mês de novembro, porque, seu veículo maior, a Rádio Cultura, completa sessenta e dois anos de significativa atuação junto às famílias de Sergipe e do Nordeste brasileiro, levando-lhes esperança, informação, entretenimento e, sobretudo a fé católica.


Novembro é um mês especial, pois nele celebramos algumas solenidades especiais: Fiéis Defuntos, Todos os Santos, Cristo-Rei do Universo. É a plenitude de nossa caminhada litúrgica, durante todo o ano, apontando para esta grande profissão de fé: não temos outro Rei, senão Cristo, que é Soberano sobre o Universo inteiro. E o reinado de Cristo se deu por sua generosa e fiel entrega ao Pai Celeste para a Salvação de todos.


Totalmente fiel a Deus e plenamente misericordioso para com a humanidade, Jesus selou entre o Céu e a Terra a Nova e Definitiva Aliança, marada pelo amor incondicional, pela Esperança na Feliz Ressurreição e pelo Convívio Celestial, nossa última e definitiva morada.


Neste mês, portanto, convidamos a todos os ouvintes da Cultura para lhe darem um grande presente: a generosidade da contribuição, fazendo com que cheguemos ao 100 por cento, proporcionando-lhe, dessa forma, que a Rede Cultura possa reunir as condições de continuar proclamando o Reinado de Cristo sobre o Universo, servindo-se das ondas sonoras da 670, a fim de engrandecer o Reinado de Cristo, com uma ação missionária, nos moldes daquilo que nos pede o Papa Francisco: uma Igreja em saída, presente nos lugares mais afastados, esquecidos. É isso que a Cultura pretende ser: um instrumento de amor para levar o Evangelho a todos, indistintamente.


Agradecidos a Deus, pelos 62 anos de muita evangelização, de uma presença edificante entre os sergipanos, de uma ação missionária permanente, de uma programação diferente, acolhedora, inspiradora, motivadora na fé, e, sobretudo, pelas maravilhas que o Senhor operou, ao longo desses anos. Desde Dom Távora, seu Fundador, Dom Luciano, seu principal coordenador, Dom Lessa, seu reformador e Dom João, nos dias atuais, como grande inovador e incentivador da emissora. Que Deus Abençoe a Cultura 670, e que ela continue sendo canal de Deus para todos. Com a minha bênção.


Padre Marcelo Conceição é pároco da paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Conjunto Orlando Dantas) e diretor-executivo da Rede Cultura de Comunicação.