• Carlos Barbosa 2255/SE

Igreja de Sergipe em luto pela morte de dom Mário Rino Sivieri, bispo emérito de Propriá



Arquidiocese de Aracaju manifesta seu profundo sentimento de pesar pelo falecimento de dom Mário Rino Sivieri, bispo emérito da diocese de Propriá-SE, nesta quarta-feira, 3 de maio. Dom Mário tinha 78 anos e estava internado há 7 dias no Hospital São Lucas, em Aracaju, para tratamento de erisipela em uma das pernas. Ontem (2), o quadro se agravou e ele foi transferido para uma Unidade de Tratamento Intensivo. Veio a óbito por volta das 16h30.

“Nesse momento de dor olhemos para o Cristo ressuscitado, razão de nossa esperança, a quem dom Mário seguiu e amou durante sua vida e missão”, disse o arcebispo metropolitano de Aracaju, dom João José Costa, que construiu uma relação de grande proximidade com o terceiro bispo diocesano de Propriá. Dom Mário exerceu uma forte influência na caminhada vocacional de dom João, convencendo-o, inclusive, a ingressar na Ordem do Carmelo.

A missa de corpo presente está prevista para 8h desta quinta-feira (4), na Catedral de Propriá, onde dom Mário será sepultado. Por conta das restrições impostas pela pandemia, a participação do clero e dos fiéis será controlada. Essa cerimônia será transmitida pela Rádio Cultura (AM670).

Leia a nota de falecimento divulgada pela Diocese de Propriá

NOTA DE FALECIMENTO

A Diocese de Propriá-SE, com muito pesar, comunica o falecimento do seu bispo emérito, Dom Mário Rino Sivieri.

Dom Mario Rino Sivieri nasceu no dia 15 de Abril de 1942, em Castelmassa (Itália), tinha 78 anos de idade. Era filho de Osvaldo Sivieri e Natalina Mazzetto. Foi ordenado presbítero no dia 03 de julho de 1966 pelo Papa Paulo VI. Chegou em missão a Lagarto, diocese de Estância, em 15 de maio de 1968, onde atuou durante 29 anos. Neste período esteve à frente Campanha Nacional de Escolas Comunitárias (CNEC), ajudou na fundação da Fazenda Esperança presente hoje em várias partes do Brasil e no mundo.

No dia 18 de março de 1997 foi nomeado o 3º Bispo Diocesano de Propriá e foi ordenado no dia 25 de maio, tomou posse na Catedral de Propriá no dia 15 de junho seguinte. Assumiu como lema episcopal OMNIUM SERVUS (Servo de todos). Continuou sua missão junto à juventude envolvida com drogas e sempre solidários às lutas camponesas, quilombolas e indígenas.

No dia 12 dezembro de 2016 foi homenageado pela Assembleia Legislativa de Aracaju e recebeu a Medalha de Direitos Humanos, “Dom José Vicente Távora” em reconhecimento pela sua dedicação a serviço da vida dos mais pobres, principalmente da juventude. Ele, humildemente, sempre reconheceu que as homenagens recebidas tinham sempre caráter coletivo, porque sempre esteve acompanhado de outras pessoas nas atividades.

Faleceu na tarde de hoje, dia 03 de junho de 2020, no hospital São Lucas, em Aracaju/SE. O corpo vai estar sendo velado na Catedral Diocesana de Propriá, sem presença do povo em virtude da pandemia do COVID-19. Amanhã, às 08h, teremos a celebração da Santa Missa transmitida pelas redes sociais da Catedral Diocesana e o sepultamento logo após na mesma catedral.

Link do canal do Youtube da Paróquia Catedral Santo Antônio:


https://www.youtube.com/channel/UCvfPXAG8BQ1aClFGM_d6VAg

Propriá, 03 de Junho de 2020

Arquidiocese 

aracaju

de

Cúria Metropolitana da Arquidiocese de Aracaju

Praça Olímpio Campos, 228, Centro, Aracaju/SE - CEP: 49010-040

E-mail: comunicacao@arquidiocesedearacaju.org / Telefone: (79) 3216-3000