Uma perda irreparável para a Igreja de Jesus Cristo

Maria Eleonôra de Jesus Morais (Irmã Morais)


"Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crer em mim, ainda, que tenha morrido viverá".


Minhas condolências aos Irmãos no Episcopado, a família enlutada, aos sacerdotes, aos diocesanos de Palmares-PE, a tantos amigos e amigas; pela Páscoa definitiva do nosso querido Dom Henrique Soares da Costa.


Uma perda irreparável para a Igreja de Jesus Cristo que Ele tanto amou e defendeu!

Faço minhas, as palavras de São Paulo Apóstolo: "Dom Henrique combateu o bom combate, terminou sua carreira." Agora, resta-lhe a coroa imperecível da glória.


A saudade dói demais, mas, não podemos ir de encontro com a Santa Vontade do Pai do céu. Deus é o dono da nossa, existência e a hora Dele não é a nossa. Assim sendo, seja feita a sua vontade, nosso Deus Pai.


Estou triste porque perdi meu amigo, mas, ao mesmo tempo, sinto uma profunda alegria porque ele está nos braços de Deus.


Moramos juntos na Residência Episcopal de Aracaju. Ele, o bispo auxiliar da Arquidiocese, e eu, administradora da residência. Era de fato um homem de Deus.


Para um homem de fé, como dizia Santa Teresinha: "Não morro entro na vida." Assim também Dom Henrique que, agora, já desfruta da visão beatífica no face a face com Deus, intercedendo por cada um e por todos nós.


Dom Henrique, que o Senhor descanse em paz no colo de Nossa Senhora. AMÉM.


Maria Eleonôra de Jesus Morais (Irmã Morais) é religiosa da Congregação Santa Teresinha, ex-secretária do arcebispo metropolitano no governo pastoral de Dom José Palmeira Lessa e ex-administradora da Residência Arquiepiscopal.

Arquidiocese 

aracaju

de

Cúria Metropolitana da Arquidiocese de Aracaju

Praça Olímpio Campos, 228, Centro, Aracaju/SE - CEP: 49010-040

E-mail: comunicacao@arquidiocesedearacaju.org / Telefone: (79) 3216-3000